Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘AMIGOS’ Category

AMIGOS

Amigo é a coisa mais importante que existe. Se não fossem meus amigos eu não seria nada que sou hoje, principalmente no aspecto profissional.

Apesar de eu sempre ter correspondido, lutado e trabalhado bastante,  muitas das chances que tive na vida, devo aos meus amigos.

Amigo não é só companheiro, não é preciso estar com a gente todo dia, o  verdadeiro Amigo é aquele que sempre lembra de você e te ajuda na hora certa.

O verdadeiro amigo é aquele que te xinga e dá bronca e te dá conselhos e críticas objetivas .

É melhor uma bronca sincera do que um elogio falso. Amigo que é amigo a gente pode chamar de “Fidubuta”.

Hoje, com o meu sistema de vida atual, 75 anos e aposentado,  só tenho um amigo que posso chamar de  “Fidubuta “, o Borbão – foto acima. Sempre que passo em frente, o cumprimento.

Minha mãe  era cri-cri, mas ela sabia das coisas, e sempre me dizia: Veja com quem anda, escolha bem  suas amizades e sempre me dava bronca quando achava que eu não estava andando com boas companhias, lembrando os  ditados: Digas com quem andas que direi quem tu  és  e  Antes só que mal acompanhado.

Tive todo tipo de amigos, nunca discriminei nenhum, respeitava todos e todos me respeitavam, nunca me trouxeram nenhum problema, ao contrário, a maioria sempre me ajudou.

Tive amigos negros,  um deles a gente chamava de Bola Sete, amigo turco que chamava de brimo (primo), amigo português que chama de batricio (patricio).

Tive amigos doidões, brincalhões,  inteleques e  o chato que  geralmente é o amigo do peito, aquele que aparece a qualquer hora, mesmo  sem desconfiar que está atrapalhando.

O amigo da Onça, felizmente não tive nenhum.

Dizem que o cão é o melhor amigo do homem. Há controvérsias, eu já acho que o homem é que é o melhor amigo do cão.

Outros acham que o whisky é o melhor amigo, só que é engarrafado, eu prefiro uma boa cachaça, na dose certa, apenas como aperitivo. O whisky não serve como aperitivo e o pessoal fica viciado e bebe a qualquer hora.

Quando estive no hospital com uma hemorragia no estômago causada por comprimidos de ferro para anemia, vários amigos compareceram para me doar sangue.

Naquele tempo a doação era feita diretamente do doador para o paciente, não existia sangue estocado.

Por coincidência o sangue que me reanimou foi o de um amigo que tomava umas e outras.

O Helio Fortes foi um dos meus amigos de fotografia. (veja post sobre fotografia)

Ele tanto fez, que, mesmo com os poucos recúrsos de que dispunha, resolveu filmar o meu casamento.

Como não tinhamos projetor, conseguimos ver o filme só uma vez .

Naquele tempo (1965)  não existiam  filmadoras digitais, era fita de cinema mesmo. Alugamos um projetor e não soubemos usá-lo e o filme estragou.

Foi uma pena, porque ele havia filmado o avô da minha esposa, Sr. Atushi, com 85 anos,  fazendo uma apresentação com uma legítima espada de Samurai.

Como era relíquia, quando ele faleceu, foi passada para outro japonês da familia, para ser preservada.

O José Carlos dos Reis foi outro amigo de fotografias, e foi um exemplo de como deve ser um verdadeiro amigo, aquele  que sempre  lembra dos amigos, mesmo estando distante.

Estando já em São Paulo  e fazendo  uns 2 ou 3 anos que a gente não se via, ele me localizou e me surprendeu, convidando  para trabalhar com ele em uma subsidiária da Cosipa.

Ele era auditor na Cosipa e sentiu a necessidade de reformular a administração na firma de  Mineração da Cosipa e o cargo era de gerente de contabilidade.

Apesar da indicação dele, tive que fazer 3 dias de testes, que ele chamava de teste para astronauta. Felizmente fui bem e consegui o cargo.

Meu filho André sofreu um acidente grave há mais de 8 anos. Tinha muitos amigos e todos sumiram.

Só um ainda se preocupa com ele, o Alexandre (Babá) que sai com ele toda semana para ir a Igreja Adventista e comer pizza, e, ainda lhe dá bronca não deixando comer sobremesa para não engordar.

Nesta lista de amigos  especiais, não tenho a menor dúvida que, para mim,  o meu avô LUIZ foi lo mais importante.

Foi ele que me pegou pelo braço, quando eu ainda era moleque e levou para matricular no cúrso noturno de Técnico em Contabilidade.

O quintal da casa dele era uma verdadeira chácara, tinha mangueiras, jabuticabeiras, goiabeiras, laranjeiras e eu aproveitava para fazer exercícios, plantar  milho e caçar rolinhas, que eu limpava e salgava durante o dia e comia de noite junto com meu avô, assando no espeto no fogão a lenha.

Para encerrar esta lista de amigos importantes, não posso me esquecer Dele – DEUS.

Ele sempre está sempre  me testando com alguns  problemas e sacrifícios, como se estivesse sempre querendo dizer, não se esqueça de Mim,  estou de olho em você.

Mesmo assim, Ele tem me dado  grandes alegrias, e, não posso reclamar:

Uma familia maravilhosa, esposa, filhos, netos e noras, todos com saúde e boas pessoas.

Dormi no volante e fui salvo pela buzina de um camioneiro. Sofremos assalto a mão armada durante duas horas e escapamos ilesos.

Trabalhei 20 anos na Fiscalização Direta de Tributos, enfrentando muitas vezes alguns verdadeiros bandidos, ou contribuintes revoltados e consegui me aposentar sem nenhum arranhão, tanto fisico, como profissional.

Deus me deu um auto controle muito grande que posso até dizer que é a minha maior virtude.

Com os meus 75 anos, posso considerar que estou com uma saúde relativamente boa.

Ainda consigo jogar sinuca duas vezes por semana,jogando  bem contra adversários bem mais jovens.

Tenis de mesa também ainda consigo jogar mais ou menos bem.

OBS: Não sou adépto de nenhuma religião especificamente, más, acredito muito em Deus, e, principalmente na sua Justiça.

Acho que se eu continuar  respeitando os meus semelhantes, tratando bem dos animais e das plantes, agindo sempre com Amor (esta é a palavra chave),  Deus sempre me ajudará, desde que eu também O ajude, ou seja, ele me dá 10% e o restante eu tenho que me virar.

 

Anúncios

Read Full Post »